APIMENTE SEU INVERNO COM PITADAS DE SYRAH

Dizem por aí que a melhor maneira de combater o inverno é manter o coração quente.

E, cá entre nós, tem vinho que esquenta até coração de sogra.

Neste artigo, vamos falar sobre uma uva que faz vinhos desse tipo.

A Syrah (ou Shiraz)

A Syrah é uma casta tinta com origem no Norte da Rhône, na França. Fora da França, o local em que é mais plantada é na Austrália, onde ela é chamada de Shiraz.

Existem algumas controvérsias, mas acredita-se que essa diferença de nome se deve ao fato de que, quando a Syrah foi levada para a Austrália em 1832, ela era conhecida por “Scyras”, dando origem à grafia inglesa “Shiraz”. 

Fato é que, independentemente do nome, a Syrah é uma casta muito única. Ela pode produzir uma diversidade de estilos de vinho e, ao mesmo tempo, imprimir sua personalidade em cada um deles.

De modo geral, seus vinhos mostram aromas de frutas negras. Porém, quando ela é cultivada em climas moderados, aromas de pimenta preta bem intensos aparecem na taça. Já quando cultivada em climas quentes, distintivos aromas de alcaçuz que prevalecem.

Em geral, ela apresenta níveis altos de taninos. Por isso, é comum que seus vinhos envelheçam em barricas de carvalho, o que pode adicionar aromas de baunilha e tostado, que complementam muito bem os outros aromas típicos da casta.

Os exemplares de Syrah que têm potencial de guarda, ou seja, melhoram com envelhecimento na garrafa, apresentam típicos aromas animais – carne de caça e couro – que adicionam muita complexidade aos vinhos e fazem parte da personalidade da casta.

Agora que você já tem um panorama da Syrah, separamos 2 vinhos para você conhecer ela melhor … na taça.

  1. Andes Plateau Cota 500 Syrah 2018

O Andes Plateau Cota 500 Syrah 2018 é um vinho elaborado 100% com uvas Syrah cultivadas nas encostas da Cordilheira dos Andes, a 500 metros de altura (daí o nome Cota 500), na região do Valle de Elqui, que fica ao Norte do Chile.

O Valle de Elqui tem chamado muita atenção da crítica internacional pela qualidade de seus Syrahs. Como a região é refrescada pelas brisas do Oceano Pacífico e pela altitude, seus Syrahs têm um estilo muito apimentado e gastronômico.

O Andes Plateau Cota 500 Syrah 2018 é um excelente exemplar da tipicidade da região. Aqui os aromas e sabores de frutas negras e de pimenta preta da Syrah ficam bem evidentes. Mas o mais interessante neste vinho é que ele apresenta uma nota de frutas vermelhas que, quando acompanhada da acidez do vinho, adiciona frescor e vitalidade.

O vinho é envelhecido por 10 meses em barricas de carvalho francês. Esse envelhecimento adicionou aromas e sabores de especiarias doces que ficaram muito agradáveis e bem integrados com os aromas de frutas e de pimenta preta. Os taninos são arenosos e finos.

Esse vinho é saboroso. Ele pede comida e ficaria excelente com um steak au poivre.

  • Cumulus Rolling Shiraz 2015

O Cumulus Rolling Shiraz 2015 é um vinho feito 100% com uvas Shiraz cultivadas na região deCentral Ranges, em New South Wales, na Austrália. Os vinhos são produzidos a 600m de altura, onde o clima é mais fresco em razão da altitude.  

Dessa forma, esse Shiraz conseguiu chegar em um excelente ponto de equilíbrio. Ele ficou “mais leve” do que os típicos Shiraz australianos, potencializou os aromas apimentados da Shiraz e manteve a intensidade que fez dos Shiraz um sucesso global.

Aqui a prevalência é de aromas e sabores de frutas negras bem maduras, acompanhadas de aromas e sabores de chocolate e café. A pimenta preta está presente, mas de forma mais sutil do que no Andes Plateau Cota 500 Syrah 2018

Esse vinho tem muita presença na boca. É concentrado, com álcool alto e boa persistência. Seria o acompanhamento perfeito para uma costela na brasa.

Espero que vocês fiquem bem quentinhos com uma taça de Syrah neste inverno.

Até a próxima!

Deia Berthault

Sou uma nerd em vinhos com um parafuso a menos. Professora, estudante e apoiadora do movimento “Abaixo os enochatos” (…que nem existe, mas apoio! #enolegaisrock).

Parceria: Winerie

Baixe nosso e-book gratuito! Como escolher vinho em 3 passos simples

Baixe nosso e-book gratuito! Como escolher vinho em 3 passos simples

Confira mais artigos relacionados…

Primavere-se com vinhos florais ideais para essa estação

Primavere-se com vinhos florais ideais para essa estação

A primavera inspira uma completa renovação de energias para o final do ano que se aproxima. Afinal, tem coisa melhor do que desabrochar depois de uma temporada mais introspectiva de inverno? As cores vibrantes da paisagem – azul do céu, verde das árvores e colorido...

Vinhos florais: 7 uvas perfeitas para brindar na primavera

Vinhos florais: 7 uvas perfeitas para brindar na primavera

Listamos 7 uvas — incluindo a célebre Moscatel — que produzem vinhos deliciosos para a estação das flores   Passa o inverno, chega o verão e uma tacinha de vinho sempre aquece nossa emoção. Improvisos sobre Sandy & Júnior à parte, é verdade que os vinhos são...

Sabor de primavera: conheça os vinhos de notas florais

Sabor de primavera: conheça os vinhos de notas florais

Há quem ame a primavera também pelos bons vinhos da estação. Os amantes da bebida e apreciadores de notas florais gostam da época também para se deliciar com as safras florais. Pensando nisso, CLAUDIA conversou com a sommelier, Rita Ibanez, e a educadora em vinhos e...

Close Bitnami banner
Bitnami