“Faça chuva ou faça sol…”

Confira duas experiências com vinhos para aproveitar ao máximo cada dia deste verão tropical

O verão brasileiro chegou! E com ele veio muito sol, calor, praia e …. chuva. 

Enquanto nos climas temperados – como é o caso da Europa – as chuvas se concentram no inverno, nos climas tropicais – como é o caso do Brasil – as chuvas se concentram no verão.   

Então, se você quer curtir nosso verão tropical ao máximo, você vai precisar de vinhos que combinem com dias de sol e de vinhos que combinem com dias de chuva. 

Essas “harmonizações climáticas” são muito divertidas e você faz isso o tempo todo sem perceber. 

Imagine que você está na praia, em um calor de 40 graus. Você vai preferir pedir um peixe assado a uma feijoada, porque o peixe é mais leve e vai cair melhor em um dia quente. Por outro lado, se você estiver em uma montanha no inverno, a feijoada vai parecer mais atrativa, por ser um prato mais encorpado.

Com vinhos, acontece mais ou menos a mesma coisa. 

Se liga nas harmonizações que separamos para você explorar neste verão.

  1. Para dias de sol 

Em dias de sol, tudo que queremos é um vinho bem refrescante para aliviar o calor.

A refrescância de um vinho é resultado da combinação de vários elementos, mas os três principais são: 

Água na boca

A sensação de água na boca é causada pela salivação. 

Se o vinho tiver uma boa acidez, você vai salivar bastante e esse é um elemento chave na sensação de frescor.  

Aromas

Frutas frescas serão mais atrativas no calor. Imagine limão, maçã verde e pêssego ou morango, framboesa e groselha.  

Já frutas secas e especiarias serão mais atrativas no frio. Imagine ameixa seca, pimenta preta, cravo e café.

Ícone

Descrição gerada automaticamente

Temperatura

Vinhos que são servidos mais gelados vão cair melhor em dias de calor. 

Os espumantes, brancos leves e rosés são servidos mais gelados (entre 6 e 10°C) do que vinhos tintos mais encorpados (entre 15 e 18°C).

Um ótimo exemplo de vinho para harmonizar com dias de calor é o Chikyam Malbec Rosé 2019. 

É um vinho muito fresco, leve e fácil de beber, daqueles para curtir na piscina sem compromisso. 

Ele tem aromas de morangos, framboesas e cranberries frescos, e um toque cítrico de toranja. Esses aromas vêm acompanhados de uma boa acidez que vai te deixar com água na boca para o próximo gole. Sugerimos servir entre 8 e 10°C.  

Se for chamar os amigos, melhor ainda, porque o vinho vai agradar todo mundo e – o melhor – não vai quebrar a banca.

  1. Para dias de chuva

As chuvas de verão fazem a temperatura cair, mas o clima continua moderadamente quente. Afinal, é verão. 

Então, os dias de chuva pedem vinhos que não sejam tão leves quanto os “vinhos de calor” e nem tão potentes quanto os “vinhos de frio”. Existe uma infinidade de possibilidades.

O nosso escolhido foi o Manos Andinas Pinot Noir 2019, porque ele tem refrescância – especialmente por causa de sua ótima acidez – e boa presença de boca. 

É mais encorpado e mais intenso que o Chikiyam Malbec Rosé 2019, mas continua sendo um vinho fácil no paladar. Aquela sensação de boca seca é muito sutil e o álcool passa quase despercebido atrás dos deliciosos aromas e sabores de cerejas frescas, baunilha e cravo, que são acompanhados por um toque de aroma de terra e folha molhada – típico da uva Pinot Noir e tudo a ver com dias de chuva.  

Ideal para aproveitar em casa, seja em casal, na companhia de um bom livro ou junto com bons amigos. Sugerimos servir a 15°C. 

Esperamos que vocês aproveitem este verão tropical com essas harmonizações climáticas. 

E (mais que isso!) esperamos te inspirar a usar o vinho para transformar momentos corriqueiros em verdadeiras experiências. 

Até a próxima!

Deia Berthault

Sou uma nerd em vinhos com um parafuso a menos. Professora, estudante e apoiadora do movimento “Abaixo os enochatos” (…que nem existe, mas apoio! #enolegaisrock). 

Fundadora do @redsubmarinewines e parceira da @wineriecom. 

Parceria: Winerie

Baixe nosso e-book gratuito! Como escolher vinho em 3 passos simples

Baixe nosso e-book gratuito! Como escolher vinho em 3 passos simples

Confira mais artigos relacionados…

Primavere-se com vinhos florais ideais para essa estação

Primavere-se com vinhos florais ideais para essa estação

A primavera inspira uma completa renovação de energias para o final do ano que se aproxima. Afinal, tem coisa melhor do que desabrochar depois de uma temporada mais introspectiva de inverno? As cores vibrantes da paisagem – azul do céu, verde das árvores e colorido...

Vinhos florais: 7 uvas perfeitas para brindar na primavera

Vinhos florais: 7 uvas perfeitas para brindar na primavera

Listamos 7 uvas — incluindo a célebre Moscatel — que produzem vinhos deliciosos para a estação das flores   Passa o inverno, chega o verão e uma tacinha de vinho sempre aquece nossa emoção. Improvisos sobre Sandy & Júnior à parte, é verdade que os vinhos são...

Sabor de primavera: conheça os vinhos de notas florais

Sabor de primavera: conheça os vinhos de notas florais

Há quem ame a primavera também pelos bons vinhos da estação. Os amantes da bebida e apreciadores de notas florais gostam da época também para se deliciar com as safras florais. Pensando nisso, CLAUDIA conversou com a sommelier, Rita Ibanez, e a educadora em vinhos e...

Close Bitnami banner
Bitnami